A Selva (2002)

poster

Sinopse

Alberto (Diogo Morgado) é um jovem da monarquia portuguesa que, em 1912, está exilado em Belém. Com ajuda do tio, é contratado para trabalhar no seringal de Juca Tristão (Cláudio Marzo), na selva Amazônica. Alberto é colocado no armazém do seringal, onde convive com Juca Tristão, Velasco (Karra Elejalde) e Caetano (Roberto Bonfim) - os capatazes do patrão -, Guerreiro (Gracindo Júnior) - o gerente -, e sua bela mulher, Dona Yayá (Maitê Proença). Em pouco tempo, Alberto apaixona-se por Dona Yayá, envolvendo-se em um romance inesperado.
[por Hugo Gomes]



Visitantes
Visitantes
2.8 (19 votos)
O meu voto
Login / Registo

Detalhes

Ano: 2002
Estreia nacional: 01 de Novembro de 2002
Estreia mundial: 00 de de 0000

País: Portugal
Género:

Realização:
Leonel Vieira

Intérpretes:
Diogo Morgado, Ruy de Carvalho, Maitê Proença

Links:
www.costacastelo.pt/ASelva (site oficial)
selva.sapo.pt/files/videos/trailer/384k.wmv (trailers)

A crítica

Digamo-lo frontalmente: A SELVA faz menos sentido como filme a ser exibido numa sala de cinema do que como telefilme de luxo. Será inevitável, num filme com este propósito, a queda num academismo... mais ››
Luís Miguel Oliveira, Público
A SELVA não confirma nenhum mau presságio. É obra assente e bem carpinteirada, com valores de produção reconhecíveis, a beleza e a inumanidade da Amazónia dadas com vigor, delineando-se o inferno do... mais ››
Jorge Leitão Ramos, Expresso

Blogs

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.

Hugo Gomes
Hugo Gomes 30 de Maio de 2007

Uma infeliz e pretensiosa obra portuguesa, tendo como defeito uma banda sonora inapta de emoções e uma deficiência na caracterização das personagens secundarias