Má Educação (2004)

La Mala Educación

poster

Sinopse

Espanha, anos 60. Ignacio e Enrique são dois rapazes que descobrem o amor um pelo outro num colégio religioso. No entanto, as suas vidas são separadas e o seu amor interrompido. 20 anos depois, Ignacio, agora actor, entra no escritório de Enrique, cineasta, com um argumento que conta a história dos dois.



Visitantes
Visitantes
3.7 (95 votos)
O meu voto
Login / Registo

Detalhes

Ano: 2004
Estreia nacional: 27 de Maio de 2004
Estreia mundial: 19 de Abril de 2004

País: Espanha
Género: Drama, Crime, Thriller

Realização:
Pedro Almodóvar

Intérpretes:
Fele Martínez, Gael García Bernal, Daniel Giménez Cacho

Outros títulos:
Bad Education

Links:
www.lamalaeducacion.com (site oficial)
www.clubcultura.com/clubcine/clubcineastas/almodovar/mala... (trailers)
www.imdb.com/title/tt0275491

A crítica

Um sistema eléctrico arrasa-tabus que, na sua repetição e exibicionismo, acaba por produzir um efeito tão inofensivo que quase se poderia dizer que MÁ EDUCAÇÃO prende-se aos mesmos estereótipos que o... mais ››
Tiago Pimentel, Premiere
MÁ EDUCAÇÃO faz uma aposta arriscada: regressa aos tempos do franquismo, recupera a essência do filme «noir» (...) Trata-se, com efeito, do mais negro dos seus filmes”
Mário Jorge Torres, Público

Blogs

ver todos
4.0/5Má Educação, por Tiago Ramos
Má Educação é o filme menos linear e mais negro de Almodóvar, mais uma vez uma homenagem maior ao Cinema que, de certa forma, faz lembrar Mulholland Drive (2001), de David Lynch. É verdade que são incomparáveis até certo ponto, mas a forma como desconstroem a mente do espectador, numa história passível de vários olhares, tornam-nos semelhantes até na visão corrosiva do Mundo. Pedro Almodóvar cria uma obra difícil de classificar: ora imaculada, ora corrompida.”
Split Screen, 27/Set/2009
2.0/5Má Educação, por Carlos Antunes
Ainda que Almodóvar tenha neste filme escapado a fazer mais do mesmo, ainda que tenha procurado novas soluções, perdeu-se demais dos seus caminhos habituais, perdeu o contacto com a sua identidade. Perdeu esse contacto porque se lançou com determinação a vingar-se do seu passado, uma vingança artificiosa.”
Split Screen, 6/Set/2009
5.0/5Má Educação
«Má Educação» é um extraordinário exercício narrativo que, num inesgotável jogo de espelhos, viaja não só entre diferentes níveis diegéticos como estica as relações narrativas para além-diegese. (...) «Má Educação» conta com uma interpretação assombrosa, versátil e transfiguradora de Gael García Bernal. Ainda com excelentes escolhas de casting (note-se o restante elenco), magnificamente encenado e com uma mise-en-scène que é um primor, o filme de Almodóvar é uma concepção magistral de sedução: nos enquadramentos, nas cores da fotografia, na arte de filmar, na montagem criativa (sobretudo entre níveis diegéticos) ou na sensível e arrepiante banda sonora de Alberto Iglesias.”
Cineroad, 3/Set/2009
sugerir um link

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.

4.0/5jalfy jalfy 14 de Outubro de 2009 às 23:38

Considero-o de óptima qualidade e representação. Ao jeito de Almodóvar.

Valter Antunes Valter Antunes 23 de Junho de 2009 às 02:07

Não gostei assim tanto como outros do Almodóvar, um argumento um bocado aborrecido

4.0/5Sofia Sofia 31 de Julho de 2008 às 23:53

É por este tipo de filme que adoro o cinema europeu, é um filme real,que pode acontecer com qualquer um que nos rodea.

Prova-se mais uma vez o enorme talento de Gael Garcia Bernal, que é um actor fenomenal, no futuro acredito que será um dos melhores tal como é este realizador.

Saudações Cinematograficas