Super Size Me: 30 Dias de Fast Food (2004)

Super Size Me

poster

Sinopse

Não existe uma sinopse para este filme.



Visitantes
Visitantes
3.4 (44 votos)
O meu voto
Login / Registo
PTGate
PTGate
4.0

Detalhes

Ano: 2004
Estreia nacional: 21 de Outubro de 2004
Estreia mundial: 07 de Maio de 2004

País: EUA
Género: Documentário

Realização:
Morgan Spurlock

Intérpretes:
Morgan Spurlock, Alexandra Jamieson, Dr. Stephen Siegel

Links:
www.supersizeme.com (site oficial)
movies.apple.com/movies/independent/supersize_me/supersiz... (trailers)
www.imdb.com/title/tt0390521

A crítica

ver todas
Infelizmente, falta a Morgan Spurlock o alegre e acutilante cinismode Michael Moore (...) teria feito mais sentido que SUPER SIZE ME tivesse sido feito para televisão. O filme de Spurlock é um bom... mais ››
Nuno Markl, Premiere
(...) há em SUPER SIZE ME uma componente de humor universitário tipo Animal House, alarve e exibicionista, que lhe mina os propósitos mais sérios (...) Os melhores momentos acabam por ser quase todos... mais ››
Eurico de Barros, Diário de Notícias

Blogs

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.

4.0/5Cinéfilo26 Cinéfilo26 28 de Abril de 2011 às 16:37

Bom documentário

5.0/5Valverde Valverde 16 de Novembro de 2010 às 18:47

Um documentário de peito à bala que pode parecer inofensivo e partir por vezes para a comédia do ridículo, mas a verdade é que envolve um grande perigo para o autor e, claro, para todos aqueles que se vêm envolvidos dentro da teia da fast-food. A forma como o autor pega em meios para atingir fins é arrojada, perigosa, mas com uma alta eficácia de passagem de testemunho.

4.0/5Vitinha Vitinha 23 de Maio de 2010 às 18:35

Um bom documentario nao vejo muitos, mas gostei bastante deste,bom trabalho de Morgan Spurlock que denuncia a falta de bom senso dos americanos e naos o deles,isto começa se a tornasr realidade em todo o mundo e o nosso pa´s nao é excepçao,dá uma boa liçao de vida na minha opiniao,merece uma visualizaçao,um filme bastante persuasivo,Morgan Spurlock merece todos os louros depois desta ideia louca...

4*