(2005)

poster

novo comentário

Para submeter um comentário faça login ou registe-se

comentários RSS

3.5/5André André 24 de Maio de 2009 às 18:30

Filme de tarde. Nada de especial, mas não é nem por perto um mau filme.

3.5*

4.0/5Sofia Sofia 20 de Agosto de 2008 às 20:15

Nao li o livro, mas gostei muito do filme, muito bom apesar da polemica japonesa-chinesa.

Grandes representações,boa realizaçao,argumento e banda sonora.

Saudações Cinematograficas

3.0/5Nuno Silva Nuno Silva 26 de Agosto de 2007 às 12:32

Não é mau mas podia estar melhor. 3*

Diana
Diana 3 de Maio de 2007

Sem dúvida 1 história interessante...
5*

Jonas
Jonas 19 de Janeiro de 2007

nao ta mau....3*

Mónica
Mónica 12 de Dezembro de 2006

Foi feita uma adaptação muito fraca do livro, em que se perde muito do argumento original. Na verdade, perdem-se alguns dos aspectos mais interessantes do livro.

Filipe Nunes
Filipe Nunes 21 de Julho de 2006

Deixa muito a desejar, quando comparado com o livro. História contada de maneira demasiado rápida, acabando por omitir pormenores importantes do livro de Golden. "Safa-se" pela beleza das paisagens, naturais e humanas, bem como pela fotografia e cenários.

Filó
Filó 8 de Abril de 2006

é intressante, é uma história muito bonita

F!uscas
F!uscas 1 de Abril de 2006

uma história interessante no início mas desfarrapada pelo seu fraco final... fui assistir ao cinema com uns amigos meus, coma ideia de que o filme fosse algo dotado e chato... mas NÃo... o filme supreende de uma forma clara... ou seja demonstra que não é mais um filme que quere contar apenas mais uma história mas sim demonstrar uma lição de vida!!!! pois a caracterização, a fotografia, a interpretação de Ziyi Zhang... tá encaixado praticamente na perfeição... mas o filme peca pelo seu péssimo desenvolvimento da segunda parte e pelo final... que não trás mais nada de novo á histório... um filme bom... mas que termina assim que a casa das gueixas fica vendida... com muita pena... PS: uma amiga minha vendeu a sua mizuagi e a licenciação foi de 1.01... peace...Fluscas :O)

João Nogueira
João Nogueira 16 de Março de 2006

Todo o imaginário da cultura japonesa em geral e do microcosmos das gueixas em particular é infelizmente aqui tratado debaixo do pesado martelo e escorpo do ponto de vista ocidental (leia-se americano) e banalizado numa história com a complexidade de uma novela venezuelana. O que salva este filme ao ponto de considerar recomendável uma deslocação ao cinema? Acima de tudo a fotografia (imagens lindíssimas e bem enquadradas), a beleza oriental (apesar de nenhuma delas ser japonesa) das três actrizes principais (que acaba por disfarçar alguma falta de solidez das personagens), a eficácia de um guarda-roupa deslumbrante e uma direcção artística brilhante... o que sendo muito não chega ara satisfazer. Uma oportunidade perdida!

http://frameaframe.blogspot.com

Carlos Varandas
Carlos Varandas 20 de Fevereiro de 2006

Não tem nada a ver com o grande êxito que foi Chicago. Este filme é bastante mais pobre e desinteressante. Um bom trabalho em termos de caracterização das personagens guarda-roupa e fotografia.

Gonçalo
Gonçalo 15 de Fevereiro de 2006

Achei longo demais para a história que é... A história é bonita, dá-nos a conhecer bastante da cultura deles, os locais são lindos, mas achei que falta ali qualquer coisa... Mais movimento, ou mais enredo, mais situações... No fundo o filme fala da história da personagem principal, e fica-se por aí... E mesmo assim achei de nos deviam dar a conhecer melhor cada uma dar personagens... Para o tempo que o filme leva, acho que podiam ter falado de mais coisas... Mas não deixa de ser agradável...

Jimmy Osório
Jimmy Osório 3 de Fevereiro de 2006

O filme retrata apenas 305 do livro. Mas mesmo assim consegue ser um filme simpático, onde nos consegue transmitir um pouco da cultura Japonesa..e onde nos clarifica o que é ser Gueixa..Grandes imagens.. e muito bem retratado a cidade onde se desenrola a história. Interessante. Recomendo. 3*

dUmb
dUmb 31 de Janeiro de 2006

"Memoirs of a Geisha" consegue ser um filme sincero, bonito, e acima de tudo cheio de sentimento. No entanto não consegue sorpreender nem entusiasmar, fica-se pela sensação e a belíssima imagem.

pEacEE