O Homem Elefante (1980)

The Elephant Man

poster

Sinopse

John Merrick (John Hurt) sofre uma horrível deformação à nascença, provocada por uma doença rara. A sua cara horrivelmente desfigurada manifesta traços de um elefante. Encurralado num cruel show itinerante, Merrick sofre o tormento da exclusão da sociedade, até que um jovem cirurgião de nome Frederick Treves (Sir Anthony Hopkins) resolve salvá-lo. Este conto emocionante revela a descoberta que Treves faz, à medida que conhece a personalidade gentil e pacífica de Merrick sob a sua horrenda e desfigurada aparência.



Visitantes
Visitantes
4.2 (70 votos)
O meu voto
Login / Registo
PTGate
PTGate
4.0

Detalhes

Ano: 1980

País: Reino Unido, EUA
Género: Drama

Realização:
David Lynch

Intérpretes:
Anthony Hopkins, John Hurt, Anne Bancroft, John Gielgud

Links:
www.imdb.com/title/tt0080678

Blogs

5.0/5The Elephant Man
Mesmo sendo uma obra que data o inicio dos anos 80, The Elephant Man é dirigido da mesma forma como os verdadeiros clássicos de Hollywood, filmado a preto e branco e até mesmo apresentando pausas intensas entre cenas, eis um filme que aspira mas porém consegue comportar-se como tal. (...) De uma beleza triste inimaginável.”
Cinematograficamente falando, 7/Nov/2012
sugerir um link

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.

4.0/5ff ff 24 de Fevereiro de 2010 às 22:31

Filme muito bom. Grande mensagem, um verdadeiro hino à vida. Apesar de todo o sofrimento, jonh merrick consegue ser feliz, enquanto nós que nao temos problemas nenhuns somos tao dificeis de contentar.

Todos os comentarios estao correctos, humanidade de uns e crueldade de outros. Vale mesmo a pena ver, do melhor . 5 estrelas

becas becas 18 de Janeiro de 2010 às 20:35

Lindo,lindo,lindo!!!! Que filmaço verdadeiramente a todos os niveis,apesar de ter 30 anos e extremamente actual,a crueldade da maioria e a humanidade de alguns;OBRIGATORIO!! 4.5*

5.0/5Rolling-Murray Rolling-Murray 9 de Novembro de 2009 às 15:56

Este é um dos pouquíssimos filmes que realmente me conseguiu comover nos últimos anos. Nesta sublime obra de cinema (baseada numa história real), David Lynch não se limita a contar a história de um pobre coitado vítima de uma horrível deformidade: o que temos aqui é um olhar sem par sobre os vários sentimentos e valores que provam a complexidade da natureza humana, e simultaneamente consegue incutir alguns desses elementos nos espectadores: horrorizamo-nos da primeira vez que os nossos olhos contemplam a fealdade de John Merrick; comovemo-nos com a sua demanda pela humanidade a que, apesar de tudo, tem direito; ou revoltamo-nos e sentimos raiva em relação aqueles que o tratam como um animal ou uma mera atracção de circo. "The Elephant Man" destaca-se ainda por contemplar uma das mais belas mortes (?) da história do Cinema: o momento em que John, após concluir a construção do seu modelo da catedral (excelente metáfora para a demanda da sua humanidade e felicidade), experimenta pela primeira e última vez a sensação de se deitar numa cama como uma pessoa "normal", ao som do divinal Adágio para Cordas, de Barber. Um filme imprescindível.