(2005)

poster

a crítica

Se tivermos em conta que o realizador Courtney Solomon assina aqui o seu segundo filme depois do desastre que foi "Masmorras e Dragões", de 2000, ficamos desde logo algo reticentes em assistir a este "Assombrados". O elenco parece, no entanto, prometer algo de bom, pois tanto Donald Sutherland como Sissy Spacek não costumam falhar na escolha dos seus personagens.

De facto este filme deverá agradar aos fãs do célebre "O Exorcista", de "Stigmata" ou do recente "Exorcismo de Emily Rose". Não possui o carisma nem o terror psicológico de nenhum deles, mas é um esforço medianamente aceitável. O erro maior é sem dúvida a incapacidade do final em suster toda a estrutura narrativa até aí construída que gira em redor de um mistério aparentemente sem solução à vista. Longe de ser um filme obrigatório, "Assombrados" sobrevive como um interessante filme de género Suspense mas nunca de Terror.”
Paulo Figueiredo, Cinema PTGate
Sem aproveitar Sutherland e Spacek, tudo cai cedo no «best of» dos catálogos do «horror movie», na tentativa de cruzar aparições à Nosferatu e ambientes Senhor dos Anéis, passando pelo Exorcista e Poltergeist, com efeitos especiais e tendência «videoclip».”
Francisco Ferreira, Expresso