Favores em Cadeia (2000)

poster

a crítica

Quando pensávamos que o filme ficaria como um mau monumento aos bons sentimentos, ele adquire contornos religiosos (...) Ora, isto já é abusar da paciência: levem-me às lágrimas, mas não me evangelizem às escondidas”
João Miguel Tavares, Premiere
É um dos «turkeys» do ano, e certamente caberá na lista de culto dos piores filmes - ou, simplesmente, dos mais desastrados.”
Vasco Câmara, Público