Em Busca da Felicidade (2006)

poster

a crítica

A simplicidade pode trazer para um filme consequências desastrosas como podem significar uma mais valia para a mensagem que pretendem transmitir. «Lost in Translation» de Sofia Coppola, por exemplo, ensinou-nos a gostar de filmes simples com significados interiores profundos sem adornar demasiado o enredo.
«Em Busca da Felicidade» utiliza moldes semelhantes para invocar o mito do sonho americano. Um pai e o seu filho nos limiares da pobreza com poucas hipóteses de prevalecer, ultrapassam as difíceis barreiras impostas por uma vida de dificuldades no quotidiano americano. Mas acima de tudo «Em Busca da Felicidade» relembra-nos a alegria de ir ao cinema. A comédia (sim, porque esta também existe no filme), o drama e o êxtase final, formam a pirâmide dos grandes filmes que extravasam as nossas emoções para nos proporcionar uma satisfação plena no seu término. Neste filme, a simplicidade é sinónimo de obra de arte. Pena o Óscar para melhor actor não ser duplicado este ano.”
Paulo Figueiredo, Cinema PTGate