(2007)

poster

a crítica

Não deixa de ser interessante que com tantos mega blockbusters de Verão, um dos mais electrizantes filmes da temporada seja um que pouca ou nenhuma expectativa gerou em seu redor. «Paranóia» é realizado pelo carismático DJ Caruso, autor essencialmente de episódios de séries de televisão como «The Shield» e «Smallville», e cuja incursão pelo cinema deu-se principalmente com «Tirar Vidas» e «The Salton Sea», dois filmes que deixaram muito a desejar. «Paranóia» reúne um cast de bons actores, entre eles o rapaz do momento Shia Labeouf, a "desaparecida" Carrie Ann-Moss e o sempre convincente David Morse. No desempenho dos actores reside o grande trunfo deste thriller psicológico do jogo do gato e do rato. Os lugares comuns disfarçam-se como time setters entre as diversas fases do filme, sem que sejam necessariamente palha, e pautando inteligentemente a acção. O único senão pode ser o facilitismo com que Caruso vai debitando a história, pondo em causa uma narrativa que pedia um pouco mais de suspense e dúvida. Algo semelhante a «Rear Window» de Hitchcock, «Paranóia» representa uma das melhores surpresas do ano.”
Paulo Figueiredo, Cinema PTGate
(...) embora tropece várias vezes nas hormonas, vive para o susto. Sobressalta? Várias vezes. Satisfaz? Razoavelmente. Entretém? Sem dúvida. Apesar da fórmula sem novidade, do deslumbre com os gadgets e do final apressado.”
Vítor Moura, Premiere