(2008)

Nothing But the Truth

poster

Sinopse

Uma jornalista (Beckinsale) publica informações secretas vindas de um agente da CIA e acaba por ser presa. Mesmo encarcerada, ainda assim ela recusa-se a revelar a sua fonte para não trair a ética profissional. De início, ela tem total apoio do marido (David Schwimmer), mas com a demora na resolução do caso ele passa a questionar a decisão da esposa por ter comprometido as relações familiares….
[por portubraga]



Visitantes
Visitantes
3.5 (39 votos)
O meu voto
Login / Registo
Crítica
Crítica
1.7 (3 votos)
galeria

Detalhes

Ano: 2008
Estreia nacional: 30 de Julho de 2009 (#14 na 1ª semana)
Estreia mundial: 19 de Dezembro de 2008

País: EUA
Género: Drama, Thriller
Duração: 108 min.
Classificação: M/12
Distribuidora: Ecofilmes/Vitória Filme

Realização:
Rod Lurie

Intérpretes:
Kate Beckinsale, Matt Dillon, Angela Bassett, Alan Alda, Vera Farmiga, David Schwimmer

Links:
www.nothingbutthetruthfilm.com (site oficial)
www.apple.com/trailers/independent/nothingbutthetruth (trailers)
www.imdb.com/title/tt1073241

A crítica

Sem grandes surpresas de linguagem, o filme tem a seu favor uma gestão hábil do suspense”
João Lopes, Diário de Notícias

Blogs

ver todos
3.0/5A Verdade e só a Verdade, por Carlos Antunes
A Verdade e só a Verdade tem um fundo de parábola política e sobre a importância da defesa da possibilidade de dizer a verdade ao público, defender aqueles que o fazem e questionar o papel do governo ao intervir nesse processo.”
Split Screen, 20/Jun/2010
4.0/5Nothing but the Truth
O drama humano sentido é demasiado forte para o banalizar dessa forma. É sim uma forte história de vida baseada em eventos reais que conta com surpreendentes interpretações (Kate Beckinsale e Matt Dilon) e confirma o estatuto de um veterano (Alan Alda). A envergadura política é extremamente competente e permite uma longa reflexão sobre os abusos de poder onde o famoso dito popular “não olhar a meios para atingir fins” poucas vezes foi tão significativo. Felizmente, existe algo chamado “integridade” que supera grandemente as forças externas e dá valor à vontade. Notável.”
Cinema is my Life, 7/Out/2009
3.5/5Nothing But the Truth
Nothing But The Truth é mais um exemplar do leque de filmes que questionam a integridade das Inteligência Norte-Americana e tal como o recente e excepcional State of Play com Russell Crowe, aborda o papel da imprensa na justiça e outros meios. Realizado por Rod Lurie (Resurrecting the Champ, 2007), Nothing But the Truth equilibra-se com a moralidade e questões que “lança” ao espectador e que dificilmente obtêm resposta, o mais curioso é que o filme não quer dá-las, mas sim implanta-las conforme a interpretação da audiência. O argumento, que se “vende” como baseado em factos, escrito também pelo realizador, é complexo e peão de vários registos cinematográficos, dando assim uma dinâmica inteligente á narrativa, o qual passa rapidamente do thriller policial ao thriller jurídico e vice-versa.”
Cinematograficamente falando, 23/Set/2009
sugerir um link

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.

3.5/5jonas jonas 2 de Fevereiro de 2010 às 18:00

tenho uma pergunta a fazer...se ela disse-se quem era a fonta original o qeq acontecia? uma F de 6 anos ia presa ou era morta? se me explicarem isso logo dou nota que n tou dentro desse assunto..Primeira impressão é que é hilariante lol

Nekas Nekas 7 de Outubro de 2009 às 20:21

este filme é bem melhor do que se espera...

3.5/5CODEX CODEX 26 de Agosto de 2009 às 15:23

Enredo curioso.Consegue-nos intreter durante o filme pela sua história actual.
As intepretações não foram nada de especial.
3.5*