Dupla Sedução (2009)

Duplicity

poster

Sinopse

A agente da CIA Claire Stenwick (Julia Roberts) e o agente da MI6 Ray Koval (Clive Owen) trocaram o mundo da espionagem governamental pela bem mais lucrativa guerra-fria entre duas corporações multinacionais rivais. A sua missão: proteger a fórmula de um produto que trará fortuna a quem a patentear primeiro. Para os seus patrões não há limites. Quando o que está em jogo começa a escalar, ninguém sabe quem está a a enganar quem, e o maior problema entre Claire e Ray é a sua crescente atracção...



Visitantes
Visitantes
3.1 (99 votos)
O meu voto
Login / Registo
PTGate
PTGate
3.0
Crtica
Crtica
2.6 (10 votos)

Detalhes

Ano: 2009
Estreia nacional: 26 de Maro de 2009 (#2 na 1 semana)
Estreia mundial: 18 de Maro de 2009

Pas: EUA
Gnero: Thriller
Durao: 125 min.
Classificao: M/12
Distribuidora: ZON Lusomundo

Realizao:
Tony Gilroy

Intrpretes:
Julia Roberts, Clive Owen, Tom Wilkinson, Paul Giamatti

Outros ttulos:
Duplicidade (Brasil)

Links:
www.duplicitymovie.net (site oficial)
www.apple.com/trailers/universal/duplicity (trailers)
www.imdb.com/title/tt1135487

A crtica

ver todas
(...) não deixa de ter os seus momentos de encanto e inteligência, mas o emaranhado de enredos tiram fluidez à narrativa”
Marco Oliveira, Premiere
Não estamos perante a excelência de MICHAEL CLAYTON (...) ainda assim, é claramente uma obra inteligente, charmosa e desafiante”
Francisco Toscano Silva, Premiere

Blogs

ver todos
4.0/5Duplicity (200)
Trata-se de um elegante thriller cheio de surpresas quer no campo argumentativo ou na concepção de planos cativantes, um dos mais inteligentes entretenimentos da temporada, se não for isso, deve ser pela química transcendente entre o belo par de protagonistas.”
Cinematograficamente falando, 4/Mai/2009
2.5/5Dupla Sedução, por Tiago Ramos
Seria de esperar uma determinada leveza de Duplicity que acaba por não se revelar. A longa dimensão filme (cerca de duas horas) acaba por se tornar demasiado entediante e superficial, especialmente na primeira hora da película. Contudo, a realização de Tony Gilroy é dinâmica, com recurso a planos rápidos, a split screens constantes, misturados com flashbacks e uma banda sonora intensa, criada por James Newton Howard.”
Split Screen, 2/Abr/2009
2.5/5Dupla Sedução, por Carlos Antunes
Se toda a sua trama intricada fosse, ao invés, levada com mais estilo e leveza ou, quem sabe, levado ao ponto de um screwball como Mr & Mrs Smith (o do Hitchcock, entenda-se!) tivéssemos um grande filme. Assim, fica-se pelo entretenimento saudável e temporário que é.”
Split Screen, 31/Mar/2009
sugerir um link

Comentrios RSS

ver todos Faa login para deixar um comentrio.

2.5/5Liliana Rabuja Liliana Rabuja 24 de Abril de 2011 s 18:37

É interessante mas confuso (não permite relaxar e é para isso que vou ao cinema...). Gostei da química Julia/Clive.

4.0/5Diogo Pinheiro Diogo Pinheiro 5 de Dezembro de 2010 s 23:54

Um bom filme em que estamos muitas vezes a pensar se estamos a ser enganados ou não quanto às intenções das personagens.

4*

3.0/5Bilhardas Bilhardas 1 de Julho de 2010 s 09:24

muita gente fala mal do final do filme (pelo menos no IMDB), pois é o que o filme tem de melhor, alem da química do par principal e do excelente leque de actores 3/5