Coco Chanel & Igor Stravinsky (2009)

poster

Sinopse

Paris 1913. No Teatro dos Campos Elísios, Igor Stravinsky apresenta "O Ritmo da Primavera". Coco Chanel assiste à estreia e fica hipnotizada... Mas o trabalho revolucionário é demasiado moderno e radical: o público enfurecido mostra o seu desagrado vaiando-o. Segue-se o tumulto. Stravinsky está inconsolável. Sete anos mais tarde, já rica, respeitada e com sucesso, Coco Chanel reencontra Stravinsky - um refugiado falido que vive no exílio em Paris após a Revolução Russa. A atracção entre eles é imediata e electrizante. Coco oferece a Stravinsky a sua nova villa, situada em Garches, para que ele possa trabalhar. Ele aceita e muda-se de imediato com os seus filhos e com a mulher tuberculosa. Assim começa a apaixonante e intensa aventura amorosa entre estes dois gigantes criativos...



Visitantes
Visitantes
2.9 (13 votos)
O meu voto
Login / Registo
PTGate
PTGate
2.0
Crítica
Crítica
2.5 (2 votos)
galeria

Detalhes

Ano: 2009
Estreia nacional: 03 de Dezembro de 2009 (#16 na 1ª semana)

País: França
Género: Drama, Romance
Duração: 120 min.
Classificação: M/16
Distribuidora: ZON Lusomundo

Realização:
Jan Kounen

Intérpretes:
Mads Mikkelsen, Anna Mouglalis, Anatole Taubman

Links:
www.imdb.com/title/tt1023441

A crítica

(...) uma boa surpresa, reflectindo a preocupação de fazer um cinema "biográfico" que não se dissolva na retórica televisiva.”
João Lopes, Diário de Notícias
(...) apesar do luxo e do cuidado com que tudo é encenado nunca consegue tornar convincente o "affaire". O que é tanto mais frustrante quanto a primeira meia hora é um extraordinário momento de cinema”
Jorge Mourinha, Público

Blogs

3.5/5Coco Chanel & Igor Stravinski
Mesmo que desequilibrado, a fita tem também os seus momentos geniais.”
Cinematograficamente falando, 13/Jun/2010
3.0/5Portal Cinema - Coco Chanel & Igor Stravinsky
O filme desilude profundamente e fez-me, enquanto espectadora, sentir-me claramente manipulada no sentido de aderir à griffe e ao status, estilo e sofisticação que o usos dos seus produtos trazem a quem os usa.”
Portal Cinema, 15/Dez/2009
sugerir um link

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.


Nenhum comentário adicionado.