O Discurso do Rei (2010)

poster

novo comentário

Para submeter um comentário faça login ou registe-se

comentários RSS

4.0/5Sandro Ribeiro Sandro Ribeiro 31 de Janeiro de 2012 às 19:03

Muito bom filme, principalmente pelo fantástico desempenho de Colin Firth e Geoffrey Rush. Motivador e inspirador! 4*

4.5/5Vitinha Vitinha 21 de Setembro de 2011 às 22:35

Belo filme,o melhor dos concorrentes ao oscar deste ano que passou,melhor que cisne negro sem duvida,um genero de um teatro filmado de perto com excelentes interpretaçoes como ja sublinharam aqui de Rush e Firth,um bom filme a ver e rever

4.0/5Agostini Agostini 17 de Setembro de 2011 às 23:15

Para quem (como eu) foi ver este filme com expectativas nem elevadas nem baixas, decerto teve uma boa surpresa. De louvar especialmente as interpretações de Colin Firth e Geoffrey Rush, soberbas!

3.0/5Ana Ana 2 de Setembro de 2011 às 01:10

Um filme que nos conta uma história sem dúvida interessante mas que não entusiasma, sendo completamente insípido, sem inovar minimamente. Salienta-se, no entanto, o elenco fantástico. Colin Firth simplesmente brilhante :) e Geoffrey Rush destacando-se.

2.0/5Alex Alex 12 de Julho de 2011 às 01:05

Tenho que concordar com o Daniel Rodrigues
Foi para mim uma grande desilusão porque estava à espera de muito mais.
Destaco apenas o excelente papel de Geoffrey Rush.

0.5/5Daniel Rodrigues Daniel Rodrigues 10 de Junho de 2011 às 20:29

Como é q é possível este filme ter ganho o Óscar? é horrível, simples, não emociona, não mexe com o espectador, não cria empatia, nada!

4.5/5*Tigi* *Tigi* 22 de Abril de 2011 às 14:57

Ao mesmo nível do cisne negro mas pessoalmente goste mais deste.
Melhor papel da carreira de Firth a merecer o oscar e rush tbm muto bom.
Mereceu oscar sem duvida.

4.5/5YuRiSsS YuRiSsS 24 de Março de 2011 às 15:41

Sem duvida um excelente filme...

4.0/5jonas jonas 12 de Março de 2011 às 03:49

boa interpretação de Colin Firth e de Rush. A primeira parte do filme torna-se um pouco cansativa, muito devido á realização de Hooper. Porem, a segunda parte esta muito boa e consegue levar o filme a um patamar de boa qualidade. 4* E apesar de não ficar descontente pelos oscares que recebeu, continuo com a minha preferência (Black Swan) a nivel de melhor filme e realização.

5.0/5Maria Inês Maria Inês 10 de Março de 2011 às 12:14

Brilhante: em conjunto com Black Swan e Inception, são filmes que me vão ficar para sempre na memória e que não vou hesitar em comprar assim que saiam em DVD. Tom Hooper é para mim um achado: adorei o tipo de imagem que fez. O humor presente, a postura das personagens e um argumento fantástico fazem deste filme um 5 estrelas! Parabéns pelo Óscar!

4.0/5Lord of the Rings Lord of the Rings 28 de Fevereiro de 2011 às 12:36

Já tinha colocado aqui um comentário, mas não podia de deixar de dar os parabens a este filme.
Não é o meu preferido do ano de 2010, mas dos nomeados, o discurso do rei e o 127 horas eram os meus preferidos.

Grande filme sem duvida e completamente justo vencedor.

4.0/5Valverde Valverde 28 de Fevereiro de 2011 às 04:45

Parabens pelo Oscar ao Discurso do Rei, naquele que foi um dos melhores anos de cinema das ultimas décadas (tanto pela critica como pelo público). Não sendo para mim o melhor dos 10, é um agradável vencedor e só o tempo e a forma como as novas gerações olharão para trás, é que dirá se esta foi uma decisão correcta.

4.0/5Filipe Nunes Filipe Nunes 14 de Fevereiro de 2011 às 21:57

Um grande filme, grandes interpretações, um Oscar mais que merecido.
É, claramente, um dos filmes do ano (possivelmente, O filme do ano, até porque o ano de 2010 foi fraquinho)

4/5

4.5/5Joaquim Silva Joaquim Silva 13 de Fevereiro de 2011 às 12:20

Um filme com uma história simples mas bastante envolvente.
Interpretações de Colin Firth e Geoffrey Rush muito boas.
Parece-me um grande candidato à vitória.

3.0/5PYRO PYRO 13 de Fevereiro de 2011 às 12:06

Bom filme, bons actores. Nada de especial...

4.0/5ff ff 12 de Fevereiro de 2011 às 12:08

o filme é bom, mas melhor ainda sao as interpretaçoes de colin firth e geoffrey rush. Não se compara ao cisne negro e rede social, mas ainda assim é um filme sublime, que embora nao tendo hipoteses, eleva o nivel dos filmes nomeados

4.0/5josé miguel josé miguel 11 de Fevereiro de 2011 às 12:16

Tom Hooper transforma um argumento á partida pouco interessante num filme notável a vários níveis.Primeiramente o desempenho dos actores,nomeadamente colin firth mas também geoffrey rush,é sublime.A narrativa é fluída e os diálogos muito bem conseguidos.Consegue juntar um pouco de comédia a esta história tremendamente dramática,o que não é de todo fácil de se conseguir.Em sumúla,este "o discurso do rei" é soberbo,cheio de momentos emocionantes e consegue "elevar o espírirto" do espectador.

4.5/5kimERA kimERA 4 de Fevereiro de 2011 às 16:23

Geralmente para mim estes filmes de época, principalmente os que abordam temas de monarquia, não costumam despertar interesse mas este foca-se sobretudo no problema de gaguez da personagem e na relação com o seu terapeuta da fala. Vale a pena.

4.0/5Lord of the Rings Lord of the Rings 3 de Fevereiro de 2011 às 12:26

Falta-me acrescentar a fantástica actuação de Colin Firth, que esteve fenomenal...

4.0/5Lord of the Rings Lord of the Rings 31 de Janeiro de 2011 às 02:39

Estou super surpreendido com este filme...
Nunca pensei que me convencesse.

Primeiro, a categoria de Drama, não faz parte dos meus planos para um cinema, mas este filme merece estar realmente na corrida para o oscar de melhor filme do ano.

Até ao momento, a minha nomeação estava inclinada para a Rede Social, mas depois de ver este filme, mudo a minha votação e "O discurso do Rei", sem dúvida que merece o prémio.

Recomendo...

5.0/5Fernão Fernão 30 de Janeiro de 2011 às 12:20

O filme é muito bom. Merece quase todas as nomeações ao Óscar que recebeu, e espero que as vença, pois é, dos melhores filmes do ano. Falha só na banda sonora, que achei fraquinha, mas fora isso, é um filme magnífico, com interpretações magníficas, desde do Rei George VI, por Colin Firth, até a Wiston Churchil, que Timothy Spall interpreta de forma brilhante. Recomendo.

4.5/5Liliana Liliana 27 de Janeiro de 2011 às 16:56

O filme é realmente magnífico. Uma comovente história verídica de coragem, perseverança e amizade... e um fascinante drama pessoal e familiar, onde também não faltam pequenos grandes momentos de humor. Foi um privilégio assistir a esta terapia da fala e autêntica psicanálise deste monarca britânico, também conhecido por Bertie, entre família e amigos. :)

Colin Firth é no mínimo brilhante.

4.0/5Valverde Valverde 27 de Janeiro de 2011 às 03:21

O Discurso do Rei é uma magnifica obra, sobre um rei, maravilhosamente interpretado por Colin Firth, que têm de usar a voz numa altura em que o seu povo mais precisa de a ouvir. O ponto realmente brilhante do filme, é quando percebemos que este Rei, é afinal um comum homem do povo e o simbolismo da sua voz e a forma de a tentar exibir claramente é um esplendor encorajador e repleto de bravura contra os receios de um povo a prever tempos tenebrosos. George VI diz a meio do filme "...porque eu tenho uma voz!", e ele tinha-a, e essa voz foi a maior força que aquele povo podia ouvir.

5.0/5Mariana Mariana 24 de Janeiro de 2011 às 02:49

Muito bom! Grandes interpretações de Colin e Geoffrey! E claro, da maravilhosa Helena Bonham Carter, a minha actriz preferida.

5.0/5Hollywood Ending Hollywood Ending 20 de Janeiro de 2011 às 17:18

Já tive oportunidade de ver o filme e as minhas expectativas foram superadas. O Colin Fith como sempre não decepciona e com esta prestação tem tudo para, depois do globo de ouro, arrecadar também o oscar de melhor actor. Geoffrey Rush está fantástico, as cenas entre Firth e Rush são absolutamente deliciosas e claro Helena Bonham Carter é a cereja no topo. Um trio de actores que funciona maravilhosamente bem.

5.0/5Hollywood Ending Hollywood Ending 18 de Janeiro de 2011 às 03:56

Desde que vi o trailer deste filme há já algum tempo que estou ansiosa para o ver. Pena só estar nas salas de cinema no próximo mês.