Sexo Sem Compromisso (2011)

No Strings Attached

poster

Sinopse

Emma (Natalie Portman) e Adam (Ashton Kutcher) são amigos de infância, que quase estragavam tudo depois de uma manhã de sexo. Para proteger a sua amizade, fazem um pacto para manter a relação estritamente com "sexo sem compromisso": nada de discussões, expectativas, discussões, flores ou falinhas mansas. Podem fazer aquilo que lhes apetecer, quando lhes apetecer, onde quer que estejam, desde que não se apaixonem um pelo outro. Conseguirá a amizade sobreviver?



Visitantes
Visitantes
2.8 (73 votos)
O meu voto
Login / Registo
Crítica
Crítica
1.0 (1 voto)
galeria

Detalhes

Ano: 2011
Estreia nacional: 10 de Fevereiro de 2011 (#1 na 1ª semana)
Estreia mundial: 21 de Janeiro de 2011

País: EUA
Género: Comédia, Romance
Classificação: M/12
Distribuidora: ZON Lusomundo

Realização:
Ivan Reitman

Intérpretes:
Natalie Portman, Ashton Kutcher, Kevin Kline

Links:
www.nostringsattachedmovie.com (site oficial)
www.imdb.com/title/tt1411238

A crítica

(...) um desejo de modernidade temática que não encontra eco nem na mise en scène de Reitman nem no argumento de Elizabeth Merwether, que transforma as personagens (qual delas a mais estereotipada?)... mais ››
Vasco Baptista Marques, Expresso

Blogs

2.0/5sexo sem compromisso / no strings attached
sem reviravoltas e ligeiro, sexo sem compromisso / no strings attached vê-se bem e esquece-se assim que começam a passar os créditos; tem um final feliz (moderno, sem sinos a repicar), uma feel good vibe mas é comum e não se destaca das muitas comédias românticas que são produzidas todos os anos.”
Bué de fitas, 28/Mai/2011
2.0/5No Strings Attached
Comédia banal que reflecte num desperdício de talentos.”
Cinematograficamente falando, 4/Mar/2011
sugerir um link

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.

2.0/5João Filipe João Filipe 5 de Maio de 2012 às 02:38

Desiludiu-me, muito fraco. Bons atores num argumento banal e fraco.

2.0/5Filipe Nunes Filipe Nunes 28 de Agosto de 2011 às 15:22

Só mesmo o palminho de cara de Portman torna o filme "suportavel"...
2/5

2.0/5jonas jonas 26 de Agosto de 2011 às 18:02

concordo..desperdicio de talentos..2*