(2010)

Los ojos de Julia

poster

Sinopse

Júlia, uma mulher que sofre de uma doença degenerativa da vista, encontra a irmã gémea Sara, que já cegara devido ao mesmo problema, enforcada na cave da sua casa. Apesar de tudo apontar para que se trate de suicídio, Júlia decide investigar o que ela intuitivamente sente ter sido homicídio, penetrando num mundo obscuro que parece esconder uma misteriosa presença.

À medida que Júlia começa a desvendar a terrível verdade acerca da morte da irmã, a sua visão vai-se deteriorando, até que uma série de mortes e desaparecimentos inexplicáveis se cruzam no seu caminho...



Visitantes
Visitantes
3.6 (14 votos)
O meu voto
Login / Registo

Detalhes

Ano: 2010
Estreia nacional: 22 de Setembro de 2011 (#13 na 1ª semana)
Estreia mundial: 29 de Outubro de 2010

País: Espanha
Género: Terror, Thriller
Duração: 112 min.
Classificação: M/16
Distribuidora: PRIS Audiovisuais

Realização:
Guillem Morales

Intérpretes:
Belén Rueda, Lluís Homar, Pablo Derqui

Outros títulos:
Julia's Eyes

Links:
www.losojosdejulia.es (site oficial)
www.imdb.com/title/tt1512685

Blogs

ver todos
3.5/5Los Ojos de Julia
(...) um clima de suspense digna do neo-noir que confere uma atmosfera arrepiante e prolongada, o mesmo se pode dizer do argumento que tenta comprimir ao máximo em prol de um twist final. Belén Rueda garante força na sua protagonista (...) porém a fita é aligeirada por uma tremenda confusão de registos e numa dissipação na intriga devido á sua longa duração.”
Cinematograficamente falando, 12/Nov/2012
2.0/5Os Olhos de Júlia, por Carlos Antunes
O filme só sai prejudicado por não se decidir estilisticamente entre o thriller (quase um noir por vezes) e o filme de terror. Nem tentar equilibrar os género sem os truques de terror simplistas.”
Split Screen, 3/Out/2011
3.5/5Los Ojos de Julia, por Sarah Queiroz
É um filme deveras ambicioso e, devido ao seu potencial, leva-nos sempre a esperar cada vez mais e mais. Apesar de ser francamente bom, tem um final que desilude, e é perceptível a quebra de ritmo e tensão na terceira e última parte do filme. Porque antes disso, a construção do suspense está, de facto, muito bem feita. O realizador não falha na criação de um ambiente de suspense.”
Depois do cinema..., 21/Set/2011
sugerir um link

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.

3.5/5jonas jonas 21 de Janeiro de 2012 às 19:19

muito melhor que o orfanato 3.5*

3.0/5Lourenço Lourenço 7 de Outubro de 2011 às 10:06

Está bastante razoável, vale a pena assistir. Não surpreende muito, contudo consegue prender a atenção do espectador.

3*