(2010)

poster

Sinopse

Paris, 1817, na Real Academia de Medicina. “Nunca vi uma cabeça de um humano tão semelhante à de um macaco”. Diante de um molde do corpo de Saartjie Baartman, o veredicto do anatomista Georges Cuvier é categórico. Um grupo de colegas de renome rebenta em aplausos.

Sete anos mais cedo, Saartjie deixa a sua terra natal, no sul de África, com o seu dono, Caezar, para expor o seu corpo em espectáculos de aberrações, em Londres. Livre e escravizada ao mesmo tempo, a Vénus Hotentote tornou-se um ícone das vielas, destinada ao sacrifício na busca por uma trémula visão de prosperidade.



Visitantes
Visitantes
3.6 (11 votos)
O meu voto
Login / Registo
Crítica
Crítica
3.1 (8 votos)

Detalhes

Ano: 2010
Estreia nacional: 18 de Agosto de 2011 (#19 na 1ª semana)
Estreia mundial: 27 de Outubro de 2010

País: França, Bélgica
Género: Drama
Duração: 159 min.
Classificação: M/16
Distribuidora: Clap Filmes

Realização:
Abdellatif Kechiche

Intérpretes:
Yahima Torres, Andre Jacobs, Olivier Gourmet

Outros títulos:
Black Venus

Links:
www.mk2.com/venusnoire (site oficial)
www.imdb.com/title/tt1401643

A crítica

(...) um sólido e desafiante biopic”
Nuno Carvalho, Diário de Notícias

Blogs

4.5/5Venus Noir
Uma vida menosprezada, contudo abrilhantada numa fita que jus ao seu legado, narrativamente forte e cruel, que não julga mas deixa as audiências julgarem. Um atentado á humanidade desconhecido para muitos, transformado num filme rico, atmosférico e psicologicamente violento. De visualização obrigatória.”
Cinematograficamente falando, 6/Out/2012
sugerir um link

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.


Nenhum comentário adicionado.