Transgressão (2011)

poster

a crítica

Continuamos à espera, e em vão, que a violência orgânica de Schumacher dê frutos, mas ainda não foi desta. Aqui, ele limita-se à vulgaridade de um argumento que rapina e mal os ingredientes do espanhol SECUESTRADOS”
Francisco Ferreira, Expresso