(2012)

Wrath of the Titans

poster

Sinopse

Uma década depois de derrotar Kraken, Perseus (Sam Worthington) – o semi-Deus, filho de Zeus (Neeson) - tenta viver uma vida tranquila como pescador e pai de Helius, de 10 anos.

Enquanto isso, uma luta pela supremacia reina entre os Deuses e os Titãs. Perigosamente enfraquecidos pela falta de devoção da Humanidade, os Deuses estão a perder o controlo sob os Titãs e o seu feroz líder Kronos, pai de Zeus, Hades (Fiennes) e Poseidon (Danny Huston). Os três irmãos tinham já derrubado o seu poderoso pai há muito tempo, deixando-o no abismo sombrio do Tártaro, uma masmorra no fundo do cavernoso submundo.

Perseus não consegue ignorar a sua verdadeira vocação quando Hades, juntamente com o filho de Zeus, Ares (Edgar Ramírez) faz um acordo com Kronos para capturar Zeus. A força dos Titãs cresce à medida que Zeus perde os seus poderes e o inferno é libertado na Terra. Com a ajuda da guerreira rainha Andromeda (Rosamund Pike), Argenor (Toby Kebbell), semi-Deus filho de Poseidon, e Hephaestus (Bill Nighy), Perseus embarca corajosamente numa viagem traiçoeira ao submundo para resgatar Zeus, derrubar os Titãs e salvar a Humanidade.



Visitantes
Visitantes
2.3 (22 votos)
O meu voto
Login / Registo
PTGate
PTGate
0.5
Crítica
Crítica
1.0 (1 voto)

Detalhes

Ano: 2012
Estreia nacional: 29 de Março de 2012 (#2 na 1ª semana)

País: EUA
Género: Acção, Aventura, Fantástico
Distribuidora: Columbia TriStar Warner

Realização:
Jonathan Liebesman

Intérpretes:
Liam Neeson, Ralph Fiennes, Sam Worthington, Bill Nighy

Links:
wrathofthetitans.warnerbros.com (site oficial)
www.imdb.com/title/tt1646987

A crítica

Existem muito poucas regras no que toca ao cinema actual, sendo que uma é a óbvia obsessão pelas receitas e outra a necessidade de usar todos os truques possíveis e... mais ››
Paulo Figueiredo, Cinema PTGate

Blogs

2.0/5Wrath of Titans
Tanta critica a The Immortals e afinal …”
Cinematograficamente falando, 15/Abr/2012
2.5/5Fúria de Titãs, por Carlos Antunes
Ainda assim, nada tão mau que faça desanimar como acontecia com o primeiro filme, com o equilíbrio deste filme a fazer por merecer alguma benevolência extra com os seus deméritos.”
splitscreen-blog.blogspot.pt, 4/Abr/2012
sugerir um link

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.

3.0/5Rui  Fernandes Rui Fernandes 10 de Agosto de 2012 às 19:10

Achei um bom filme!!!

3*