Para Roma com Amor (2012)

To Rome with Love

poster

Sinopse

John (Alec Baldwin), um reputado arquiteto americano, encontra-se a passar férias em Roma, onde viveu durante sua juventude. Ao passear pelo seu antigo bairro, encontra Jack (Jesse Eisenberg), um jovem em quem John se revê quando tinha a mesma idade. Ao acompanhar a paixão que Jack vai ganhando por Monica (Ellen Page), a deslumbrante e sedutora amiga da sua namorada Sally (Greta Gerwig), John revive um dos episódios românticos mais dolorosos da sua vida.

Enquanto isso, o ex-diretor de ópera Jerry (Woody Allen) voa para Roma com sua esposa Phyllis (Judy Davis), para conhecer Michelangelo (Flavio Parenti), o noivo italiano de Hayley (Alison Pill), a filha de ambos. Jerry fica maravilhado quando conhece Giancarlo (interpretado pelo famoso tenor Fabio Armiliato) o pai de Michelangelo, agente funerário de profissão, e o ouve cantar árias dignas de La Scala enquanto toma duche. Convencido que um talento prodigioso não pode continuar escondido, Jerry planeia a oportunidade de promover Giancarlo a cantor de ópera, aproveitando para relançar a sua própria carreira.

Pelo seu lado, Leopoldo Pisanello (Roberto Benigni) é um homem vulgar e extremamente chato, que certa manhã acorda transformado num dos homens mais famosos de Itália, e com muitas questões para as quais não tem resposta. Rapidamente se vê perseguido por paparazzi, que lhe seguem todos os seus movimentos e questionam tudo o que faz. Ao mesmo tempo que Leopoldo começa a habituar-se às seduções da ribalta, acaba gradualmente por perceber qual o preço da fama.

Entretanto, Antonio (Alessandro Tiberi) é um recém-chegado a Roma, vindo da província com a esperança de impressionar os seus familiares ricos através da sua nova e adorável esposa Milly (Alessandra Mastronardi) e assim conseguir mais facilmente um emprego na grande cidade. Através de cómicos acasos e mal-entendidos, o casal acaba separado e Antonio vê-se obrigado a apresentar uma estranha (Penélope Cruz) como sua mulher, sendo Milly cortejada pelo lendário actor de cinema Luca Salta (Antonio Albanese).



Visitantes
Visitantes
3.0 (34 votos)
O meu voto
Login / Registo

Detalhes

Ano: 2012
Estreia nacional: 20 de Setembro de 2012

País: EUA, Itália, Espanha
Género: Comédia, Romance
Duração: 112 min.
Classificação: M/12
Distribuidora: ZON Lusomundo

Realização:
Woody Allen

Intérpretes:
Judy Davis, Flavio Parenti, Roberto Benigni, Alec Baldwin, Woody Allen, Jesse Eisenberg, Penélope Cruz, Ellen Page

Links:
www.imdb.com/title/tt1859650

Blogs

3.5/5Para Roma com Amor, por Tiago Ramos
Aparentemente muito mais inconsequente e ligeiro que os seus trabalhos anteriores, a crítica que Woody Allen faz neste trabalho é, apesar de por vezes formatada e quase moralista, muito maior.”
splitscreen-blog.blogspot.pt, 30/Set/2012
3.5/5To Rome With Love
Por fim fica mesmo a questão: se vale a pena entrar na Roma vista por Allen? Valer sim, uma viagem ao seu mundo porém com outras paisagens.”
Cinematograficamente falando, 23/Set/2012
3.5/5«Para Roma com Amor» – A cidade eterna que não nos ficará na memória
...“To Rome with Love” no entanto deixa um pequeno amargo de boca. Um filme razoável que nos deixa a querer mais, e não no bom sentido da expressão.”
www.cinema7arte.com, 22/Set/2012
sugerir um link

Comentários RSS

ver todos Faça login para deixar um comentário.

3.5/5jorgecouto jorgecouto 28 de Novembro de 2012 às 18:35

Bom filme. Apesar de todas as histórias serem engraçadas, penso que menos personagens tornariam o filme ainda melhor. Gostei dos diálogos e da grande prestação de todos os actores, onde reside o ponto forte do filme!

1.0/5iamthestory iamthestory 10 de Outubro de 2012 às 21:01

Mau!... Os diálogos estão mal encenados, personagens aborrecidas e situações previsíveis. Até a nível de montagem é pobre. O único que se safa é Allen, que consegue transpor a sua espontaneidade. É tudo forçado e com pouco graça. Para uma fã de Woody Allen deixa muito, mas muito a desejar.

4.0/5Pedro Afonso Pedro Afonso 24 de Setembro de 2012 às 13:30

Quando se trata de filmes com o Woody Allen, nada há muito a dizer porque já sabemos do que é a casa gasta... diverti-mo-nos sempre com a sua interpretação e este filme não excessão... Um argumento muito bem escrito, com um cenário fantástico e com grandes nomes da 7ª arte...