Somewhere - Algures (2010)

poster

Sugerir blog


Se achar que merecemos, p.f. coloque um link para esta p‡gina. Agradecemos o seu contributo!

Para submeter um link faça login ou registe-se

blogs

2.5/5Somewhere
Em Suicide Virgins revelou-se, em Lost in Translation caiu no estado de graça, em Marie Antoinette ridicularizou o contexto histórico e agora em Somewhere – Algures colecciona as memórias de infância para transporta-nos para um filme pseudo-autobiográfico, cujo clímax é praticamente inexistente.”
Cinematograficamente falando, 22/Fev/2012
3.5/5Somewhere - Algures, por Tiago Ramos
Sofia Coppola nunca o saberia fazer tão bem, não fosse ela também uma prisioneira desse mundo que tanto foca o seu cinema. É um filme menor - se é que isso existe - não é um Lost in Translation, mas é um retrato melancólico e único da solidão e do tédio. Um retrato fiel do nada, do sentimento depressivo de estar algures e não estar em lado nenhum. Algures está o sentido da vida.”
Split Screen, 8/Mar/2011
1.5/5"Somewhere - Algures", por Ermelindo Lopes
O filme é mau! Muito mau! Todo o filme é um conjunto de sequencias estáticas sem qualquer acção. A verdadeira história em si demora a desenrolar-se e quando surge nada muda no filme. As sequências paradas mantêm-se. O filme é demasiado penoso para ser visto. A história é fraca, o desempenho dos actores não se pode dizer que seja bom, pois as próprias personagens são fracas.”
o filme da minha vida, 3/Mar/2011
3.0/5Somewhere - Algures, por Carlos Antunes
Para uma vida com significado deve buscar-se os outros. E a família é o núcleo imediato para o qual Sofia quis e nos faz olhar.”
Split Screen, 28/Fev/2011